9 provas de que você está passando por provações

Um dos avisos que Jesus nos deixou é este: “No mundo haveis de ter aflições” (João 16,33). Portanto, se você acredita estar passando por provações, lembre-se de que Ele também nos deixou este estímulo: “Coragem! Eu venci o mundo” (João 16,33).

O sofrimento é, sem dúvida, uma das coisas mais difíceis em nossa vida. No entanto, precisamos nos recordar que as provações e tribulações que Deus permite em nossas vidas cooperam para o nosso bem.

Por isso a Bíblia nos diz: “Aliás, sabemos que todas as coisas concorrem para o bem daqueles que amam a Deus, daqueles que são os eleitos, segundo os seus desígnios” (Romanos 8, 28)

Mas, afinal, o que é provação?

A provação é uma dificuldade que põe em prova a nossa fé. Afinal, só damos provas a Deus de nossa fé quando passamos por provações.

Ninguém gosta de tê-las em sua vida, mas elas servem para nos fortalecer e ajudar no nosso crescimento espiritual.

Na provação, é o Senhor quem nos coloca à prova, para que possamos amadurecer através da perseverança.

Portanto, a provação nos desafia a confiar mais em Deus e a crer Nele, mesmo quando não vemos uma solução para a dificuldade que enfrentamos. 

O apóstolo Paulo nos ensina (em 1Cor 13,13) que se não tiver em nós amor, não somos nada, e que o que nos santifica é o amor. Logo, Deus permite provações em nossa vida para que sejamos impulsionados ao amor.

Ou seja, Deus promove o crescimento do amor por meio do sofrimento. Por quê? Simplesmente porque a Cruz não é exceção, é regra.

O próprio Jesus nos indicou isso quando disse: “Se alguém quer vir após mim, renuncie a si mesmo, tome sua cruz, cada dia, e siga-me” (Lc 9, 23).

Passando por provações e tentações, entenda a diferença

Sim, existe, e é muito importante você saber distinguir se está passando por provações ou tentações. Para isso temos uma dica muito simples!

Você já deve ter compreendido que a provação é uma grande dificuldade que põe nossa fé à prova. Porém a tentação é um convite ao pecado.

No dia a dia podemos ser tentados por nossa própria natureza pecaminosa, pelo pecado que está à nossa volta no mundo ou pelo demônio.  

Enquanto a provação é algo bom, pois quando perseveramos ela nos conduz a algo bom, a tentação é algo ruim, pois nos incita o pecado. Contudo, nessa situação temos uma escolha: entregar-se à tentação, ou resistir e permanecer fiel ao Senhor.  

É importante você saber que Deus nos prova, mas nunca nos tenta. Ele odeia o mal e jamais nos convida a pecar.

No entanto, algumas vezes a provação e a tentação vêm juntas: provação seria ter de escolher entre pecar ou perder o emprego; já a tentação seria o apelo para pecar para não perder o emprego.

Neste sentido, a provação nos apresenta uma escolha, enquanto que a tentação nos sugere a escolher a opção errada.

Como os santos e as provações

Assim como nós passamos por provações também os santos dia após dia precisaram enfrentar inúmeras tribulações para provar sua fé e fidelidade ao Senhor.

São Francisco de Assis que quando se converteu adotou uma vida extremamente pobre, passou por inúmeras provações dentro da própria Ordem por ele fundada. Alguns irmãos acreditavam que as regras de vida escritas pelo santo eram muito rígidas e se recusavam a segui-la.

Umas das maiores provações na vida de Santa Rita de Cássia provavelmente foi ver seus dois filhos jurarem de morte o homem que havia assassinado o seu esposo. Sua angústia era tamanha que ela pediu a Deus que levasse seus filhos para junto de si porque não desejava vê-los condenados ao inferno.

São Padre Pio de Pietrelcina além das provações sofria muitas tentações promovidas pelo demônio. No entanto, para torná-lo ainda mais santo, Jesus enviou a ele os Seus estigmas que causavam dores física e o tornaram alvo da desconfiança de alguns.

São João Paulo II – o santo do nosso tempo – desde muito pequeno passou por tribulações. Perdeu sua mãe aos 8 anos e logo em seguida o seu irmão mais velho. Enquanto estava na universidade perdeu o pai. Logo em seguida discerniu sua vocação sacerdotal, mas precisou provar sua fé entrando para um seminário clandestino, devido à 2ª Guerra Mundial. Pouco tempo depois de se tornar Papa, ele sofreu um atentado que quase tirou sua vida.

9 sinais de que você está passando por provações

Algumas características podem te ajudar a compreender se você está passando por provações. Se você identificar um ou algumas lembre-se que você pode sair desta situação vitorioso, basta manter-se perseverante.

1.    Desânimo na oração

2.    Esfriamento da fé

3.    Perda do desejo de buscar a Deus

4.    Falta de vontade de rezar

5.    Se sentir oprimido pelas circunstâncias

6.    Hábitos ruins começam a voltar

7.    Precisa tomar uma decisão importante sendo que uma das opções põe em risco a tua vida espiritual

8.    Circunstâncias te forçam a exercer mais a paciência

9. Pensamentos ruins invadem sua mente tentando fazer com que você se sinta abandonado por Deus

Para fortalecer a tua fé!

São João Crisóstomo, costumava dizer: “é melhor sofrer do que fazer milagres, já que aquele que faz milagres se torna devedor de Deus, mas no sofrimento Deus se torna devedor do homem”.

São Leão Magno, por sua vez, nos recorda: “Não há, caríssimos, obras de virtude sem experiência da tentação, fé sem provações, combate sem inimigos, vitória sem luta”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *